Efeito UAU

O dever de apresentar uma escola é um trabalho árduo e repetitivo. Os profissionais que são escolhidos para fazer o roteiro de visitas, provavelmente são os que mais caminham durante o período de matrículas. A responsabilidade de repetir um mesmo discurso dezenas de vezes pode levar ao erro da monotonia. Para o profissional, o roteiro pode representar apenas mais um passeio pela escola, mas para a família visitante essa é sua única oportunidade para conhecer o espaço educacional.

Quando levamos esse questionamento às escolas, em geral a responsabilidade recai sobre os ombros do responsável pela execução das visitas, mas será que a visita faz parte do sistema de matrículas? Esse profissional de fato sabe o que a escola vende em seu discurso externo (cartazes, campanhas, redes sociais etc.)?

Precisamos levar em conta que o visitante teve um longo caminho até chegar ao momento da visita: foram e-mails, telefonemas e pesquisas em sites e redes sociais que levaram ele até sua escola. A visita é apenas a finalização de toda a imagem construída ao longo do tempo. Nesse sentido, ela deve ser intimamente ligada à sua estratégia de marketing para que funcione como última peça do processo de matrículas.

O encantamento no processo de visita deve ser representado pela coerência no discurso e pela representação física de tudo que é apresentado pela sua escola. O efeito UAU! é percebido com a apresentação dos detalhes e representações sinestésicas do seu trabalho: cor, cheiro, luz e som precisam agir em conjunto para encantar seu cliente.

Quer entender mais sobre como criar o efeito UAU! no momento de matrículas? Entre em contato com a Vecte e agende uma visita. Temos certeza que você vai se surpreender.

txt blog

 

Anúncios